Daniel Goleman: equanimidade das emoções

Equanimidade é a arte de se manter estável em uma situação boa ou ruim.

Mas é possível não entrar em pânico frente a um grande problema familiar ou profissional? Ou melhor, você conseguiria se manter extremamente calmo frente à essa dificuldade?

Apesar de parecer impossível, há quem defenda que não só é possível como fundamental. Isso porque demonstra estabilidade nas emoções, sejam elas de prazer ou dor. 

Sendo assim, ele, que é considerado o pai da Inteligência Emocional, explica que a equanimidade é uma grande aliada no trabalho.

Porém, independentemente do cargo que você ocupa, é muito importante manter as emoções estáveis sem se deixar abalar pelos imprevistos. 

Afinal, como administrar suas emoções? 

Assista ao trecho da aula de Goleman, parte da pós-graduação online em Gestão de Pessoas: Carreiras, Liderança e Coaching, da PUCRS.

Ele é professor  da disciplina “Inteligência emocional: como desenvolver competências sociais e de relacionamento?”.

Em síntese, Daniel Goleman foi repórter de matérias sobre ciências comportamentais e cérebro do The New York Times por 12 anos. Também atuou como editor sênior da Psychology Today.

Ainda, é autor de “Inteligência Emocional”. Goleman assina livros sobre outros temas, como criatividade, transparência, meditação, aprendizagem social e emocional.

Ficou interessado no tema? Confira o artigo sobre os cinco pilares da Inteligência Emocional.

Comentários 0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *